segunda-feira, 31 de dezembro de 2012

I love write!

 Escrevo quando estou feliz. Escrevo quando estou triste. Escrevo quando faz sol. Escrevo quando faz chuva. Escrevo sobre amor. Escrevo sobre ódio. Sobre esperança e saudade. Escrevo o que sinto. Escrevo que você sente. Escrevo a realidade. Escrevo a emoção. Escrevo a viagem, a moda e o coração.


domingo, 30 de dezembro de 2012

Que venha 2013!

 Eu só quero um lugar tranquilo para ficar, onde tenha uma amor a me esperar. As pessoas almejam tanta coisa na vida, eu só quero uma: Felicidade. Felicidade com um amor sincero. Não importam as circunstâncias, quero ser feliz! Se for pra ser com alguém, que seja verdadeiro, que seja por amor. Que esse alguém me some, me multiplique!
  Quero uma vida intensa, com bastante amor e repleta de esperança. Quero uma dose de harmonia e uma pitada de paz. Quero me embriagar de sonhos e mergulhar no otimismo! É só isso, simples assim. Minhas ondinhas esse ano vão ser isso, coisas essenciais na vida que muita gente esquece. Mas tem uma hora que faz falta.
 Desejo um 2013 repleto de tudo isso para vocês!

sexta-feira, 28 de dezembro de 2012

O objetivo é igual

 Minha vontade é de gritar, de dizer minhas desgraças aos quatro ventos. Mas não consigo, a voz não sai. Me do melhor com a caneta, o cheiro dou papel, escrevo o que sinto, o que faço e o que desejo. Dizem que só escrevo dramas e pareço uma infeliz- mal amada. Talvez eu seja mesmo uma dramática-mal amada , mas sou mais feliz que você que tem medo de expor ao mundo a capacidade dos sentimentos.
 Por que ter medo de dizer? Nessa vida ninguém vale nada mesmo. Todo  mundo peca, todo mundo já desejou mal, já detestou. Quem é você pra me julgar? Por que você é melhor que eu? Você e eu somos iguais. Você e eu erramos. Você e eu acertamos. Você e eu temos o mesmo objetivo: encontrar a tão almejada felicidade.

domingo, 23 de dezembro de 2012

O céu

 O céu é tão grande, tão infinito... Quando olho para ele sinto medo, mas também sinto uma sensação de querer viver e sentir tudo que é possível. Uma vontade de explorar o infinito. Me passa uma coragem, uma força, algo sobrenatural. Queria pegar um pedacinho dele e guardar para mim, para os momentos que dá vontade de desistir de tudo, para os momentos de fraqueza. Somente um pedacinho me basta para lembrar que o infinito existe, ele está aqui, bem pertinho de mim.


quinta-feira, 20 de dezembro de 2012

O amor é maior

 Eu sinto sua falta, mas isso não me deixa mal, não mais. O amor que tenho dentro de mim é muito maior que a saudade. Sei que um dia você virá me buscar, sei que um dia você vai me aceitar. E eu estaria aqui, com o coração sorrindo e os braços abertos, esperando seu abraço apertado e seu beijo apaixonado.
 Não me importo de esperar, eu vou aguentar. Pois sei que quando você virá, estará cheio de amor para me dar. Não tenho pressa, a calmaria do amor me mantém alimentada, e cada vez mais me da a certeza que eu sempre vou te amar.
 Sei que és orgulhoso, assim como eu, mas sei também que irá engolir teu orgulho para provar do meu amor.

terça-feira, 11 de dezembro de 2012

Como agradar o bofe!

Oi pessoas!
 Tem um tempinho que eu não dou dicas legais para vocês. Hoje vou compartilhar um pouco da minha experiência com o gosto masculino (somente no sentido de moda). Já tive namorado, sei como eles são chatos na hora da gente se vestir. Eles se preocupam mais com o que a gente veste, do que com o que eles vestem. Apesar de não se ligarem muito nas tendencias, eles fazem questão que nós estejamos sempre na moda! Eu nunca gostei muito de me vestir pensando nos outros, sempre tive a minha visão da moda, e me visto do jeito que eu gosto. Mas não custa nada fazer um agrado de vez em quando né galera? Então vamos agradar os machos!

Dica 1: Make combinando com a roupa
Eles não entendem muito de moda, não é legal você ir como uma roupa azul e um batom laranja! Eles não vão entender se você disser que Color Block é tendencia de verão. Então, no make opte por tons clarinhos e menos chamativos como os tons pastéis. E não se esqueça: tons concordando com a roupa!
Dica 2: Cabelo solto
Eles são chatos mesmo! Odeiam um penteado (a maioria)! A gente fica horas no salão ou em casa tentando fazer aquele penteado super em alta, e na eles sempre dizem: "prefiro você de cabelo solto". Isso da um desgosto... Então para não fazer feio, no dia que forem se ver, lave o cabelo e use natural (de preferencia), no máximo uma escovinha ou babyliss nas pontas (se seu cabelo for liso).


Dica 3: Básiquinha
Como já disse, eles não entendem nem gostam muito de moda. Então, não é legal você ir toda trabalhada nas tendencias que eles vão sair correndo! Homem gosta de coisa simples. Nós temos que lembrar que eles não leem revista nem assistem programas de moda. Portanto, vá básica. No máximo, um decote pequeno ( não vamos piriguetar né?!)

PS: Aposte nas calças skinning , eles adoram!

Dica 4: Make natural
Eles odeiam mulher com muita maquiagem, a maioria acha vulgar e desnecessário. Eles gostam de pouquíssima maquiagem e cara lavada! Então opte por tons terrosos e nude, bem clarinhos. No máximo, um batom rosa.



Foram essas as dicas, espero que aproveitem e arrasem na hora de encontra o amado! XOXO

segunda-feira, 10 de dezembro de 2012

Quase la...

 Eu já estou me confortando, já estou quase conformada, convencida de que foi bom enquanto durou. Mas tem alguma coisa, tem algo aqui dentro que me dá esperança, ainda me faz querer dormir só para te encontrar em meus sonhos. Ah... queria tanto que fosse como nos sonhos! Pois que seja! Se não ficamos juntos na realidade, que fiquemos nos sonhos! Que nos sonhos morramos juntinhos, e lá em cima, quando nossa hora chegar, Deus cuidará de fazer nos encontrar.
 Não sei se é saudade, carência... Mas eu ando sentindo muito a sua falta. Ando querendo cometer loucuras por você. Ando sonhando com você todas as noites. Ando tentando ser outra, só para te agradar. Ando pensando em você todas as horas do meu dia e da minha noite. E quando bate a saudade me agarro às lembranças que tenho, as poucas, mas suficientes lembranças de você.

segunda-feira, 3 de dezembro de 2012

A busca

 Estou eu aqui, sozinha com meus pensamentos, minhas mágoas. Minha solidão está cada vez maior, e com ela meus pensamentos, que me assustam e surpreendem a cada dia.O medo do futuro cresce com a tristeza dentro de mim, me dá medo e vontade, coragem e maldade.
  O futuro é pleno, branco, sem dor. Sou uma pessoa que vive em busca da amor, vivo uma eterna caça, uma caça pela felicidade em sua plenitude. Sou intensa em tudo aquilo que faço e penso. Não existe amor sem dor, o amor tem saudade, tem desilusão, tem incerteza, porém não deixa de ser amor.

domingo, 2 de dezembro de 2012

Cadê você?

 As vezes eu me sinto tão sozinha, tão amedrontada.... Meu medo é de amar, amar e não ser amada. Medo de me doar, me entregar e sofrer, sofrer mais e mais. Ser pisada, maltratada, jogada em um canto como um saco de lixo.
 Ninguém entende minha dor, ninguém compreende meu sofrimento. Choro pelo que perdi e pelo que tenho medo de perder. As ofensas do mundo me entristecem, a falta de paz, de amor, de carinho. Sinto pena de todos, sinto pena de mim.
 Não posso te prender em meus braços, não posso fazer de você, meu amor. Que motivos mais preciso dar? Existe dor maior que a perda? A falta do amor, das ligações inesperadas, das palavras sinceras, do carinho. Me pego lhe procurando cheia de saudade, lhe procuro nos meus sonhos, nos meus pensamentos. Procuro sue beijo e seu carinho em outro, mas nada se compara a você. Lhe procuro até no céu, fico encarando a lua na esperança de ver seus olhos, seus olhos cheios de amor, que quando se encontrava com os meus brilhavam de alegria.

quinta-feira, 29 de novembro de 2012

Tanto faz

 Talvez você tenha se cansado de mim, do meu papo furado e da minha doença, das minhas palavras vagas e sem razão, da minha tristeza que está fora de moda. Ou talvez foi a vontade que eu sempre tive de ser sua, quem sabe isso não te enjoou...
 Viu em outra algo melhor, pois que vá e não volte! Não sou uma mercadoria exposta em uma prateleira esperando alguém se interessar por mim. Não ligo se eu não te agrado, vivo muito bem comigo mesma.
 Quando se lembrar de quando me amou, lembrar a razão pela qual se apaixonou, estarei aqui. Estarei esperando por você e seu abraço caloroso, mas somente se lembrar, pois lembrará das qualidades e dos defeitos. Estarei aqui para te acolher em meu colo e secar suas lágrimas de saudade.

quarta-feira, 28 de novembro de 2012

Meu céu na terra

 Quando se encontra o amor, descobre-se o céu na terra. Você é meu anjo, minha vida eterna. Sua ternura e sutileza transformam até o meu lado mais nervoso e amargo, fica tudo mais sereno e doce.
 Minha vida virou um turbilhão de lembranças, as recordações que eu tanto insisto em me lembrar. Elas me trazem um gostinho de felicidade que eu tive naquela época. Daria minha vida para tê-la de novo, tê-la só mais uma vez, só por um instante. Então poderia morrer feliz, pois já estaria satisfeita com o céu que você me deu na terra.

segunda-feira, 19 de novembro de 2012

Amor doentio

 Entre a bebida e a sutileza do toque dele eu sinto sua falta. Onde está você, se não aqui? Seu estranho jeito de me amar torna meu amor doentio, de forma que você me mastiga e me cospe e eu caio aos seus pés. É doloroso, mas na hora que você me deixa, eu peço que as coisas ruins voltem para que eu poça ter as boas de novo.
 Me sinto prestes a desabar, você torna tudo mais confuso dentro de mim. Eu tento me distrair e te esquecer, mas dentro da minha cabeça há uma guerra que parece não ter fim. Você me dá esperança, mas não percebe que isso só aumenta minha dor. É difícil amar alguém que só te esnoba e trata mal. Me chamam de maluca e até dizem que sinto prazer em sofrer, mas mau sabem eles que quando eu te vejo tudo isso morre, e eu me esqueço dessa doença que tenho por você.

segunda-feira, 29 de outubro de 2012

O sentimento viciante

Eu estou sentindo dor, muita dor. Estou desfalecendo, acabando... Sinto que se for embora, ninguém sentirá minha falta.
 Ninguém se preocupa, eles só pensam em si mesmo, ninguém pergunta se estou bem. Devo aparentar força, mas por dentro estou desmanchando. Eu tento aguentar tudo de cabeça erguida, mas as lagrimas insistem em sair! Queria ir pra qualquer lugar, menos continuar aqui...
 Esse sentimento vicia, ele te desmotiva e destrói ao ponto de você não conseguir mais derrota-lo. Estou nessa fase, não tem nada, nem ninguém que consiga tirar essa dor de dentro de mim, a angústia e a solidão impregnaram no meu coração.

sábado, 27 de outubro de 2012

Guerra e Paz

 Eu só queria paz, só isso... É muito? Quanto vale o amor? Quanto vale a felicidade?
Minha vida está me assustando, eles estão me assustando... Sinto pena, muita pena. Sinto medo, angústia. Eu só queria que tudo ficasse bem, que fossem amigos, felizes.
 Por que só eu vejo isso? Por que só eu estou implorando por um momento de paz? A guerra está declarada, não tem bombas nem armas, mas tem olhares e falta de palavras, tem a discórdia e o rancor, a raiva e a dor. Tenho vontade de por tudo isso no papel e colorir, tirar esse preto e branco que empesteou  minha casa.


segunda-feira, 22 de outubro de 2012

O amor do pescador

 Ela chorou por ele, chorou lágrimas doces, e ele saboreou todas elas como se fossem o mais doce chocolate já existente. Ela era algo irreconhecível, algo indefinido, mas era o ser mais admiravelmente amável, jamais visto pelo ser humano. Sua doçura encantou o pobre pescador, ele nunca vira algo tão belo, tão encantador.
 Em seu pensamento, ele a salvou, salvou a garota vinda do mar. A trouxe para terra em sua rede, mas ela jamais poderia viver ali, seu lugar era na água, no interior do mais profundo mar. Mas o amor do pescador pelo ser estranho e encantador era grande demais para deixa-lá ir, era doloroso demais viver sem a doçura de suas lágrimas. Seu amor era egoísta, era possessivo.
 Ela chorou a última lágrima e o deixou, deixou-o na solidão, na solidão do homem sem a mulher. Mas ela também o amava, também sentia sua falta, então voltou à terra e lhe disse que tinha vidas incontáveis para ele, que poderia usar todas elas para ficar ao seu lado, e usou.

sábado, 13 de outubro de 2012

Pare pare pare !

Vamos encerrar de vez isso tudo, vamos parar de sentir dor? Vamos recomeçar do zero como se não nos conhecêssemos e nunca se conheceremos?
Vamos viver sem sofrer, sem sentir saudade, sem ter que se despedir?
Vamos na praia no fim de tarde e olhar nos olhos com uma lagrima querendo sair, uma lagrima de emoção de nos vermos outra vez?
Pare de invadir meu sonho!
Pare de me torturar!
Pare de me fazer lembrar que eu te amo!
Pare de jogar na minha cara que você não sente minha falta!
Não quero mais te ver, sinto raiva pelo que você fez comigo. Mas as vezes não consigo evitar sentir saudade. As vezes daria tudo só pra te ver, saber como você está... Minha vida virou um paradoxo, meus sentimentos estão em conflito, estão confusos.


sexta-feira, 12 de outubro de 2012

A droga do amor

 Ser humilhado, enganado, aceitar a mentira como se fosse verdade, e aguentar tudo isso com um belo sorriso nos lábios. Isso é o amor. Eu amei, amei intensa e profundamente, me entreguei a você de corpo e alma em uma bandeja de prata, mas você me jogou no lixo como um papel de doce que não serve mais pra nada, pisou em mim como se eu fosse um chiclete velho na calçada que não tem mais sabor.
 Ele é como uma droga, você não consegue viver sem, tudo perde o sentido sem o efeito que ele te dá. E quando se vai, quando você não o tem vem a abstinência, o desespero que te faz perder o ar, você é capaz de fazer tudo para te-lo outra vez.
 Eu fui me curar do seu amor viciante, ainda estou me curando, as vezes tenho recaídas  mas permaneço pura. As vezes bate aquela vontade de jogar tudo pro alto e voltar pra  vida viciante que você me dava. Dá vontade de ir correndo ai e deixar você me convencer, me enganar e iludir como antes. Mas eu não vou, não quero mais ilusões e efeitos, quero algo real e definitivo.


sábado, 29 de setembro de 2012

Melancolia

 Quando eu  penso em tudo que passamos, em todas as coisas que vivemos, em todas as coisas que você me disse... Quando eu lembro que foi tudo mentira, que foi tudo falsidade, que foi tudo uma grande ilusão, meu peito doí de uma maneira que eu nunca pensei que poderia doer.
 Minha melancolia só aumenta, não é por saudade, não é por amor, porque tudo isso já passou. Mas sim por desapontamento, por confiança, por amizade, por tudo que eu achei que nós fossemos, que nós poderíamos ser... Mas você me provou que você é igual a todos, que você é sim um covarde e mentiroso!
 Eu não desisti do amor, sei que ele existe, sei que nesse mundo tão monstruoso ainda existem pessoas que amam. E um dia eu vou encontrar quem me ame de verdade... Sei também que nada é por acaso e que você entrou na minha vida para  abrir meus olhos e me mostrar a realidade, a triste realidade da vida.

sexta-feira, 28 de setembro de 2012

É possível amar alguém mais que a si próprio?

 Sei que meu pensamento é arcaico, e que sou o drama em carne e osso, mas tive medo, muito medo de continuar sofrendo. Então fui tola e hesitei em ter tal atitude, que hoje me deprime. Não tinha a plena noção de que minha dor e sofrimento poderiam aumentar, e fui medrosa e covarde,  agora me deparo com esse abismo de dor que está em meu peito. Agora vejo o que é o amor, que todo aquele sentimento não era ilusão...
 Estou mais solta, acho que mais "moderna", estou tentando ter outras relações. Um é mais velho, atraente e inteligente; outro é poético, tem a minha idade e é romântico; já o outro tem a idade ideal, é engraçado e animado. Eu posso ter todos eles e muitos outros, mas nenhum me terá como você me teve. Eles podem ser lindos, atraentes e ter as melhores qualidades do mundo, mas nenhum se compara a você, porque você tem o que nenhum deles tem: meu coração.

segunda-feira, 24 de setembro de 2012

Bordô

 Talvez esteja doendo mais para mim, para mim que já estava sentindo dor, para mim que fui obrigada a dizer a deus ao amor da minha vida. Você deixava minha vida colorida, mas aos poucos foi transformando ela em bordô, e assim como aos poucos ela ficou bordô, aos poucos vou sentindo menos dor, está amenizando devagarzinho,  de pouquinho em pouquinho vou me curando da angústia de te deixar.
 Enquanto a dor vai embora, chega coragem, chega  maturidade, chega decisão. Minha dor me ensinou a viver sem você, minha dor me ensinou a viver. Sempre fui dramática, sempre fui intensa, sempre fui emotiva, mas acima de tudo, eu sempre fui mulher. E toda mulher, seja ela como for, gosta de ser amada, paparica, lembrada. E isso faltou...

domingo, 23 de setembro de 2012

Dessa vez é diferente...

Da primeira vez eu fiquei sentada naquela cadeira no meu solitário e obscuro quarto, a cadeira que tinha acabado de me dar a pior noticia do mundo, eu chorei, gritei, sofri, senti saudade, desabei.  Mas agora é diferente, dessa vez estou mais leve, aliviada,  mais forte, mais madura, mais mulher. Isso não quer dizer que eu não vá sentir saudade, pelo contrário, eu sempre vou me lembrar de você, mas quero ter boas lembranças suas. É difícil dizer adeus, mas o passado já foi, temos que continuar seguindo nosso caminho com sonhos em nossas mãos e lembranças na bagagem. Quero abrir minha mala e ver todas as lembranças dos momentos maravilhosos que você me proporcionou, e  sou muito grata por isso.  Daqui pra frente não podemos mais construir caminhos juntos, agora nós faremos separados o de cada um, porém felizes por tudo o que nos resta, por tudo que tivemos e por tudo que ainda teremos, juntos ou separados.
 A vida é muito curta para perdermos tempo sofrendo. Não vale a pena sofrer por ninguém, por mais que você ame profundamente não sofra, porque pode ser o amor da sua vida, mas ele não vai dar valor ao seu sofrimento. As vezes, a vida faz escolhas por você, ela não se importa com a sua opinião e faz a escolha que você tanto tinha medo de fazer, faz a escolha certa, a escolha que, de certa forma, esta fazendo tudo melhorar. Pode ter sido a escolha dolorosa, mas talvez seria mais doloroso  permanecer na indecisão.

sábado, 22 de setembro de 2012

Sinto Muito...

Sinto muito por não precisar mais de você.
Sinto muito por não ter mais abstinência de você.
Sinto muito por meus sentimentos terem mudado.
Sinto muito por estar me sentindo livre, por ter me libertado de você.
Sinto muito por ter agitado demais meu mundo, e tê-lo feito mudar.
Sinto muito por ter virado a página em que você estava.
Sinto muito por ter perdido o controle, e ter feito coisa de que não me arrependo.
Sinto muito por ter enlouquecido.
Sinto muito por estar sendo impulsiva e dramática.
Sinto muito por perceber que não posso perder nem mais um minuto com você.
Sinto muito por não querer mais você na minha vida... 



quinta-feira, 20 de setembro de 2012

All we need is love

 Minhas palavras não são somente minhas, são nossas. Tudo isso é nosso. Nada nos pertence, além do amor. Nós não precisamos de mais nada nessa tão injusta vida, a não ser dele, a não ser do amor.
 Quando duas almas se amam, elas vão estar eternamente juntas, se não realmente, estarão juntas na poesia, no teatro, na arte, em algum lugar no mundo. O amor verdadeiro é eterno, por mais que não demonstrado ele ficará dentro de você, coçando seu peito como se um milhão de formigas tivessem invadido seu corpo. O amor não acaba nunca, nem mesmo o tempo, nem mesmo a vida podem destruir tal sentimento tão precioso.

segunda-feira, 17 de setembro de 2012

Estrelinha

 Eu irei me recordar do nosso amor quando ele virar uma estrelinha. As estrelas representam todos os amores reais, os amores verdadeiros. Aqueles que vencem tudo e todos para estarem juntos. Nós também seremos uma, né?
 Nós seremos uma estrelinha bem bonita. Ela irá estampar o céu de um outro amor, que olha pela janela a nossa constelação. Observando o céu estrelado que um dia ele terá com sua amada.
 Os amores que vão para o céu são aqueles que estão sempre coladinhos, e aos poucos vão formando as pontas da estrela. Mas sempre coladinho! Mesmo separados, estão sempre bem juntinhos. Porque amar é nunca estar sozinho, mesmo estando.




domingo, 16 de setembro de 2012

Qualquer coisa

 Ei! Vem cá, não vai embora! Fica comigo! Posso ir com você?
 Eu viro uma conchinha para você me carregar no bolso.
 Eu viro uma estrela para enfeitar o céu que você olha pela janela, pensando nela.
 Eu me transformo em docinho para você me desejar.
 Eu posso ser um boné, para te proteger do sol.
 Posso ser o braço da sua cadeira. A caneta que escreve um belo recado para a garota que você está apaixonado. Também posso ser a bicicleta do carinha que vai na casa dela entregar as flores que você encomendou.
 Posso ser a lista de coisas que você gostaria de saber sobre ela. A vela do jantar que vocês terão no próximo sábado.
 Posso ser o cobertor que te aquece nas noites de frio.
 Posso ser a cola que você queria ter na prova da sua matéria mais difícil.
 Eu posso ser o que você quiser, menos nada na sua vida.


sábado, 15 de setembro de 2012

Amor e ódio

 Não devo questionar o motivo de te amar tanto, e ao mesmo tempo, desejar que você me deixe em paz e vá embora de vez da minha vida. Embora seja tentador, e as circunstancias sejam suficientes para tal atitude. Eu não devo. Não devo questionar porque você faz meu dia nascer diferente. Não devo questionar porque eu queria estar todos os dias com você. Não devo questionar porque vivo sonhando acordada com o dia em que você se dará conta de que é o único que pode me fazer feliz. Também não devo perguntar o porquê de ao mesmo tempo te amar da forma mais intensa possível, eu desejo que encontre seu caminho e me deixe trilhar o meu. Ao mesmo tempo que te amo, odeio. Odeio seu jeito imaturo, sua estupidez, seu descaso.
 Eu não devo, não devo questionar. Eu tenho que aceitar. Tenho que deixar o ar entrar em meu pulmão. Tenho que continuar respirando. Tenho, simplesmente, que viver. Porque eu sei que não consigo  sem você, sem o seu jeito, seu beijo... Sem o seu louco amor que me mata, mas também me faz viver.
 Eu prefiro sofrer com, do que sem você. Porque desse modo, sofremos juntinhos com o nosso amor confuso, porém, amor.

terça-feira, 11 de setembro de 2012

A falta de você

 Você não é mais o mesmo, não adianta  a gente se enganar.
 Você costumava me fazer bem, e eu costumava gostar .
 Você costumava me fazer sorrir, agora você só me faz chorar.
 Você agora só me dá arrepios, mas não são mais aqueles arrepios de quando você ia me  beijar.
 Você agora me dá arrepios pelo egoísmo, pelo rancor e por me amedrontar.
 Você não é mais quem era, você se afogou em um mar desconhecido. E eu não posso te salvar.
 Você não costumava ligar para a minha forma estranha de ser, você apenas   costumava me amar.
 Você dizia coisas loucas que não faziam sentido, e  eu costumava gostar.
 Você gostava de estar comigo, agora você gosta de me deixar.
 Você ainda me faz chorar, mas eu não vou me abalar.
 Você foi possuído pela mentira e pelo egoísmo. E isso começou a  desgastar.
 Você me trouxe à vida, mas me afogou de novo na mentira e me deixou sem ar.
 Você não é mais você, e está começando a faltar.


domingo, 2 de setembro de 2012

As dores do amor

 Não existem meios impossíveis para o amor. Portanto, se você ama realmente não o deixe de lado.
 Peço-lhe que não me de desculpas, por mais dolorosa que seja a verdade. Prefiro sentir a dor do vazio que a soberba da mentira.
 O amor é algo tão intenso que transborda, é impossível não demonstra-lo quando se sente. Mas se é assim, porque você não demonstra o puro e doce amor que diz sentir por mim?
 O amor enfeitiça o corpo e a alma, de uma forma perigosa. Seu amor foi tão profundo que quase atravessou meu peito rasgando e levando tudo que tinha pelo caminho. Porém, minha audácia foi maior, minha ousadia de querer viver, com ou sem você, venceu o perigo do teu amor degenerado. Então vi que nunca mais poderia dizer "sim" a você. Nesse momento meu coração surtou e ardeu como daquela vez em que você o machucou. E realmente estava machucado. Quando me dei conta que meu amor não era mais aquilo que achava que fosse, quando soube que o "sim" que um dia juramos dizer juntos nunca mais seria dito. Ele realmente doeu.


sexta-feira, 31 de agosto de 2012

As condições do amor

 Não implore o amor de ninguém. Não implore para vê-lo. Não finja estar com saudade. Se realmente existe amor, nada disso  será necessário.
 Então será que realmente houve amor entre a gente ?  Será que houve sinceridade? Será que tudo que você me disse era mesmo verdade? E todos os nossos momentos juntos?  Será que eles foram realmente doces e intensos? Tão doces e intensos que me fizeram chorar, chorar de saudade. Mas saudade de que? Saudade do iludido amor que eu sentia por você? Ou saudade da pessoa que você era pra mim, do significado que você tinha na minha vida?
 Não tente voltar atrás, não tente se desculpar. Porque "amar é nunca ter que pedir perdão". Você me iludiu e me fez acreditar em tudo, mas agora acabou.




quarta-feira, 29 de agosto de 2012

O amor feminino

 Se te deixar não fosse tão doloroso, já teria te deixado...
 O amor é algo que em palavras não se explica, por mais que você tenha mil motivos para deixa-lo, não o deixa. O amor é como um ímã que te prende a ele. O difícil é quando tiram ele de você, quando ele vai embora sem dizer.
 Um homem não precisa dizer à uma mulher que não à ama mais, que está apaixonado por outra, ela sente. Ela sente e sofre. Sofre por não ter coragem de dizer adeus. Sofre por ter medo de ficar sozinha. Sofre, pois seu amor pertence à outra.
 Ai você começa a se julgar e se perguntar o que há de errado, no meio de questionamentos você se dá conta de que tudo está errado. Mas mesmo assim não o deixa, porque você o ama.



 PS: Isso não é uma crônica feminista!

terça-feira, 28 de agosto de 2012

Momentos....

 Todos os momentos da  vida são importantes. Mas os momentos bons, a gente só percebe que foram bons quando eles passam. Ai só restam as lembranças, as lembranças dos momentos bons que talvez na hora não foi tão bom, mas agora eu daria tudo para te-lo de volta.
 As lembranças são boas por um lado, mas por outro elas machucam, pois elas não mentem, elas dizem toda a verdade. E a verdade dói.
 As lembranças também trazem a parte ruim do momento bom, a parte que você teve medo, insegurança e egoísmo. A parte que você se arrepende.
 Minhas lembranças de momentos bons são as mais deliciosas do mundo, meus momentos bons, não foram só bons, foram especiais. Eu não tenho medo de não ter mais momentos bons com você, não agora. Pois sei que vou ter muitos outros, com você ou não.
 Já tive medo, muito medo. O medo me fazia sofrer, o medo me angustiava. Mas agora ele não é mais parte de mim, eu não tenho mais medo da dor. Pois sei que futuramente, tudo isso será lembranças. Lembranças de momentos que tive com e sem você, mas sem querer fez parte de todos eles.


segunda-feira, 27 de agosto de 2012

O Paraíso

 Todo mundo vive constantemente procurando um tal de paraíso. Mas o que seria esse lugar? O que esse tão sonhado mundo tem de tão especial? Um mundo de paz, sem guerras, sem medos? Onde só existe amor e todos os sentimentos são sinceros? Um lugar sem defeitos?
 Me desculpe se te desaponto, mas esse mundo não existe. Esse sonhado paraíso é uma ideologia do ser humano para ter motivação. O que seria de nós se não tivéssemos uma razão pra fazer as coisa? Será que tudo teria sentido?
 O nosso famoso paraíso é interno, o mundo ideal que nós vivemos procurando se chama fé, se chama acreditar em algo para ter motivação. É estar feliz com sigo  e aceitar os defeitos. É ter equilíbrio interno. É acreditar na vida . O nosso paraíso é, na verdade, a constante busca por ele.

domingo, 26 de agosto de 2012

O universo da vida

Estou caindo, caindo de um lugar muito alto. Estou caindo aos poucos. Eu tento voar, mas me dou conta que não tenho asas. Você tenta me segurar, mas sabe que não vai me aguentar.
 Estou fraca, estou me sufocando com a falta de ar. Me pergunto se você ainda vai estar ai me esperando quando eu desabar. Se você ainda vai tentar me segurar.
 Estou caindo, mas a minha superfície  está diferente,  meu ar agora é novo, e você ficou preso em  um  outro céu nesse universo de vida. Talvez foi a beleza da outra estrela que te levou. Mas um dia você se dará conta que a estrela só brilha, ela não te proporciona nada, já o sol te dá luz e a beleza do dia.


domingo, 12 de agosto de 2012

O real país das maravilhas

Eu sou romântica, adoro um conto de fadas, e realmente acredito nisso. Ainda mais quando se está apaixonada....Mas existem coisas na nossa vida que fazem a gente cair na real e ver que todo esse país das maravilhas não existe. Pequenas coisas que parecem insignificantes, mas que fazem toda a diferença.
 Eu cresci  ouvindo minha mãe dizer que os homens não prestam, e minha avó falando que nós (mulheres) temos que ser mais amadas do que amarmos.  Eu nunca acreditei nisso, as vezes eu caia na teoria feminista da minha mãe, eu repetia isso. Mas no fundo nunca acreditei, sempre que ela me dizia isso, eu pensa: "besteira, quem ama de verdade não é assim." Eu realmente acreditava que um dia ia conhecer uma pessoa que fosse mudar a minha vida, alguém que iria fazer parte do meu conto de fadas. De uma certa forma, eu achei. Mas as teorias feministas da minha mãe e da minha avó também se concretizaram. 
 Quando você se depara com algumas atitudes em alguns momentos, se dá conta de que toda aquela história de príncipe no cavalo branco é besteira. Que o amor da sua vida não é um homem que você tem a doce e pura ilusão de que te ama tanto quanto você o ama. E sim as pessoas que realmente se preocupam com você, as pessoas que realmente te amam e te aceitam, com todas as suas dificuldades, com toda a distância.


 Sim, isso é uma contradição de todos os outros texto. Afinal, eu estou viva, e a vida é uma real contradição.


segunda-feira, 30 de julho de 2012

Estilo: Chanel alternativo

Estilo: Chanel alternativo

Estilo: Chanel alternativo por tayanezille usando black lace shoes

"Uma mulher precisa ser duas coisas: chique e fabulosa."- Coco Chanel




Sou definitivamente apaixonada pela Chanel! Gosto do jeito como a marca surgiu, da história da mulher mais elegante do mundo, do jeito que ela se expressava e agia, como ela não se importava com o que falassem dela.
O estilo chanel alternativo é um modo de usar chanel, sem usar. Vou explicar melhor: Nem todo mundo tem money pra compra uma peça de 20.000! Então muitos produtores e editores de moda utilizam esse estilo em seus tutorias. Eles pegam os elementos mais fortes do estilo clássico ( a bolsa e os brincos, por exemplo) e colocam em um shape mais alternativo ( a saia longa com a camisa e o all star, por exemplo). Assim qualquer um pode ser "chanel", é só ter atitude e elegância. Afinal, já foi comprovado que não é preciso ter peças caras para estar na moda, a própria Chanel dizia isso.
Só não esqueça do batom vermelho!

domingo, 29 de julho de 2012

Polêmica!

Oi pessoas!
Não gosto muito de falar sobre polêmicas e tragédias aqui no blog, criei o mesmo para fins agradáveis. Mas não tem como deixar essa polêmica passar despercebida, até porque sou uma fã assumida da "saga crepúsculo" (dos filmes, porque acho a literatura dos livros uma porcaria!).
 Foi divulgada essa semana fotos da atriz Kristen Stewart, que interpreta a "Bela" nos filmes, traindo o então namorado Robert Pattinson, que da vida ao "Edward". Já não bastava uma traição, tinha que ser com o diretor do ultimo filmo dela "Branca de neve e o caçador", Rupert Sanders, e pior ainda: o sujeito é casado. Da pra ficar pior? Claro que dá! A esposa dele é a atriz e modelo Liberty Ross, que interpreta a "mãe" de Kristen na trama, com quem o diretor tem duas filhas. 
Ao saber da traição, a então traída não dispensou a "dor de corna" e postou em seu perfil na internet uma singela mensagem a "rival", uma foto da branca de neve bêbada, com a seguinte mensagem: "Nem tão bela e nem tão pura". E é claro que ela não podia esquecer do marido, para ele, deixou a seguinte indireta: "as vezes, as coisas boas terminam para virem outras melhores ainda."
 Robert foi pego de surpresa, e ao saber do acontecido, deixou a casa onde ele e  Kristen viviam. Kristen Stewart e Rupert Sanders não tiveram como desmentir tal escândalo, e assumiram o fato, pedindo desculpas a família do diretor, dizendo estarem muito arrependidos. 
Uma conclusão disso tudo? 

Nada é perfeito, nem o relacionamento do casal mais amado, desejado e bem pago de Hollywood, e que até eles tem momentos de fraqueza. 
Minha opnião: Acho que ela não o amava. Se  ela realmente amasse ele, não precisaria disso. 








quinta-feira, 26 de julho de 2012

Certezas e incertezas

Tá difícil... Estou confusa (de novo), estou com medo de tomar a decisão errada, medo de estar sendo egoísta, de talvez não compreender o seu lado... Mas de uma  coisa eu sei:  não aguento mais!
A vida me deu uma oportunidade, uma oportunidade de ter certeza do que  quero. Mas por que é tão difícil assim ter certeza das coisas? Eu não tenho certeza de quase nada na minha vida. Toda vez que  penso em algo e digo "eu tenho certeza", me vem um monte de perguntas na  cabeça. Acho que é um tipo de "confirmação" da nossa mente, um auto-questionamento. Ai eu fico pensando: "Será ?" "será que eu tenho mesmo certeza disso?".
 Eu tento por tudo na balança, me colocar no lugar dele, ver o bendito lado bom que é tão questionado, faço de tudo pra relevar algumas coisas... Mas acho que esse tipo de coisa não deve ser relevado, isso é muito sério, muito sério mesmo. Isso não é qualquer coisa que da pra gente voltar atrás e escolher de novo. Eu realmente preciso parar de ser tão indecisa e ter certeza do que sinto e do que  quero, ter certeza se tudo isso vale a pena, ter certeza que ele é o que eu acho que é.






segunda-feira, 23 de julho de 2012

Declaração de amor ???

O amor é engraçado, é curioso. O amor me fez descobrir mais de mim, me fez descobrir algumas reações e decisões que eu nunca pensei em ter. Até nossas brigas e desentendimentos me ajudam a nos conhecer mais, descubro coisas novas sobre você a cada dia. Eu amo seu jeito; amo seu sorriso; amo seus olhos; amo    sua determinação; amo seu otimismo; amo o jeito que você passa a mão no cabelo; amo seu estilo confuso de ser...Amo tudo em você, amo você completo, de qualquer jeito.
 Aos poucos o amor se desgasta, e é ai que você descobre se realmente é verdadeiro, ou se não passa de uma paixãozinha.  Com o tempo, tudo vai acabando,só o amor prevalece, ele se transforma, se modifica, ele amadurece, faz a gente crescer e ver tudo de uma outra forma. As coisas não acontecem como nos filmes, existe rotina, mal humor, tpm, angústia... Só que quando a gente ama, isso é só um pequeno detalhe que não importa muito. Porque eu te amo, e o nosso amor é maior que tudo isso junto. Nós não somos um casal modelo, aquele exemplo pra todo mundo, mas somos sinceros, somos amigos, somos verdadeiros um com o outro. 
 Você pode não ser perfeito, afinal, todo mundo tem defeitos. Mas eu não me importo, não me canso de repetir que você é perfeito pra mim de qualquer jeito! Você não é um galã de televisão, nem um modelo de passarela. Mas você é o homem da minha vida, é com você que eu quero compartilhar as melhores coisas que existem na vida; é com você que eu quero estar, o tempo todo; é com você que eu quero ter uma família. Posso ser precipitada  e impulsiva, posso me enganar nas minhas decisões. Mas de uma coisa eu tenho certeza absoluta: eu te amo! 

sexta-feira, 20 de julho de 2012

Dia do Amigo

Já perdi a conta de quantos posts  fiz sobre amizade. Porém, hoje é um dia especial, hoje é dia de celebrar a amizade, o carinho, o afeto... Por mais que pareça clichê, dia do amigo é todo dia pra mim. Ainda mais com os amigos que tenho, todos os dias eles me dão carinho, todos os dias rimos de piadas sem graça e falamos besteira, todos os dias e a qualquer hora nós contamos uns com os outros. Amizade pra mim é isso,  é rir junto, é chorar junto, é sofrer junto. Amigo de verdade é aquele que por mais que esteja triste, fica feliz quando você tá feliz,  é aquele que tem sempre as palavras mais confortantes pra te dar. Não aquele que finge gostar de você, finge ficar feliz por você.
 Eu posso dizer que tenho os melhores amigos do mundo, porque tenho certeza que quando eu precisar eles vão estar do meu lado. E eles jé me provaram isso.
 Amizade verdadeira também é aquela maior que a distância, que prova que não importa o tempo, vão sempre estar juntos. Quando é amigo, sempre da um jeito de se ver, de se falar... Ou então mata a saudade só vendo uma foto. Porque nossos amigos, amigos mesmo, estão sempre no nosso coração.
 Quero aproveitar esse dia, para agradecer a todos os meus amigos pelo que são pra mim, o que fazem por mim. Obrigada por me aceitarem, por me amarem do  jeito que sou, por sempre me darem a mão quando eu preciso, sempre me darem abraços apertados que confortam mais que tudo! Por me cederem carinho quando eu estava carente. Por ouvirem minhas lamentações e  angústias quando eu precisava desabafar. Obrigada por tudo! Tudo mesmo!

"A amizade é um amor que nunca morre." - Mario Quintana



terça-feira, 17 de julho de 2012

Tá Chovendo Vírgula.

Oi pessoas!
Hoje vou compartilhar uma novidades com vocês!( ou com qualquer um que ler isso)
 Estou participando de uma equipe de um outro blog, um blog "Pocket" dentro do facebook e do tumblr. É uma página onde vamos compartilhar qualquer coisa relacionada a vida. O nome é "Tá Chovendo Vírgula", espero que vocês gostem. Bjs!!!!!!!!!!! xD
Aqui vocês acessam o facebook e aqui o tumblr.


quinta-feira, 12 de julho de 2012

Egoísmo

 Confesso que sou um pouco egoísta. Tenho uma certa dificuldade de me por no lugar dos outros, vivo defendendo meu lado, mas desconheço o lado alheio. Porque eu não passei pelo que ele passou, eu não sei quais são os motivos dele para tal atitude. Então por que julgar? Por que não compreender?
  A verdade é que o ser humano é assim, é de instinto.  Ninguém nunca ta satisfeito com nada, ta todo mundo sempre querendo mais e mais. É difícil parar e analisar os fatos, conhecer as causas. É muito difícil se por no lugar das pessoas e entender suas razões. 
 Sou egoísta sim, pelo menos com quem eu amo. Gosto do que é meu comigo e não divido com ninguém! Mas assim é um egoísmo "saudável", assim é um ciúmes que quem ama, sabe como é... Mas não é desse  "egoísmos saudável" que eu to falando, eu falo do egoísmo humano, da forma como as pessoas agem com os outros, com as pessoas inferiores. Falo do preconceito, da falta de amor do mundo, da descrença, da desunião.  Está todo mundo preocupado com a aparência e esquecendo de viver, ta todo mundo preocupado com quantos quilos engordou. Pra você eu só digo uma coisa: Peso a gente ganha, perde, ganha, perde... mas a vida, a gente só ganha e perde uma vez!



  





sexta-feira, 6 de julho de 2012

Eu sou assim mesmo!

Sou impulsiva, sou emotiva, sou  intensa,  romântica,  tímida,  ciumenta,  curiosa,  teimosa,  vegetariana,  confusa, indecisa, dramática, sonhadora, medrosa.
 Amo coisas naturais e a natureza. Pra mim, o jardim botânico, uma câmera, e o amor da minha vida são as melhores coisas do mundo! Gosto de amor, gosto de carinho, gosto de ser notada, de ser amada, gosto que sintam a minha falta.
 Amo música dos anos 80 e filmes que as pessoas chamam de "diferente", mas pra mim, são os mais normais do mundo! Eu amo andar de bicicleta, amo ir ao cinema, amo comer carne de soja, amo ler, amo escrever, amo maquiagem, amo pipoca, amo parques e jardins.
 Eu aprendi uma coisa  muito importante durante um tempo que passou, aprendi uma coisa muito essencial: "quem nos ama, ama pelo que a gente é". Pode parecer clichê, mas é a mais pura verdade!
 Eu não gosto do capitalismo, não gosto do EUA, não gosto de pessoas interesseiras, não gosto de falsidade, não gosto de pessoas que recriminam e vivem julgando os outros, não gosto de preconceito.
 Eu não sou diferente de todo mundo, sou normal (pelo menos pra mim), as pessoas vivem dizendo que eu sou assim e assado, não ligo, porque quem me ama, me ama e eu amo também! Apenas porque eu sou assim, assim mesmo...



domingo, 1 de julho de 2012

A gente voltou.

 Ele voltou pra mim. Voltou pra dentro de mim, de onde  nunca deveria ter saído, mas na verdade, nunca saiu. Ele sempre esteve aqui dentro, em um lugarzinho escondido onde tudo se transforma.
 Ele trouxe tudo de volta, tudo que havia sido destruído, tudo que tinha acabado. Fez tudo renascer dentro de mim. Então eu descobri que o "alguém" que eu procurava sempre esteve aqui, comigo, sempre. O "alguém" era você, você é o "alguém" que veio me salvar, que veio me tirar do meu mundo obscuro, você veio transformar minha dor em alegria.
 Cada lágrima que eu derramei por você, carregava um milhão de sentimentos, eles entraram em mim, ai  você veio e trouxe o sol, e assim  nasceu um lindo  jardim dentro de mim, um jardim muito grande com todos os tipos de flores, elas são fruto de sentimentos, sentimentos inexplicáveis, mas acima de tudo, elas são fruto do amor.  A cada dia ele cresce mais e mais...


sábado, 30 de junho de 2012

Wonderland

Tenho uma amigo muito especial, uma amigo que conheci de verdade a pouco tempo. Nós nos conhecemos ano passado, mas esse ano descobri a pessoa maravilhosa que ele é. Ontem foi minha festa de aniversário e ele me deu essa linda música de presente...


wonderland... (the adventures of a mad in love)

So, here we go again
You fell into the hole
And I'm still waiting for my cup of tea

You are lost, you are small
I think you are scared of the invisible cat

The dragon awoke, but he will not take my heart away
'Cause in this little garden of lilies

I don't know how to say
Since you arrived, my thoughts were only you
I have made a little dress,
When you moved to my tea pot

You called me mad when I said
That I loved you more than I could believe
'Cause in this little garden of lilies

I am on my knees
Asking you if wanna live forever (with me)

So, here we go again
You fell into the hole







Ele é um verdadeiro compositor, tem um talento incrível e que admiro muito! Fiquei muito emocionada. Muito obrigada!
Aqui vai o blog dele.

quarta-feira, 27 de junho de 2012

Medo

Estou meio deprimida, triste, um pouco vazia... a vida tá meio sem sentido pra mim,vivo me questionando sobre coisas que me afetam, que eu talvez devesse fazer, que eu sinto falta...
 Tenho medo, medo de perder mais pessoas que eu amo. De perde-las pra morte, pra distância e até mesmo  pro impulso. Tenho medo de me magoar  de novo, tenho medo de ficar sozinha, de ser infeliz, medo de me casar com a solidão e ter filhos chamados tristeza, angústia e depressão. Tenho medo de me abrir novamente, de te ver novamente, medo de mudanças, medo de pessoas interesseiras, medo de falar, medo de ser eu, medo de tumulto, medo de ser assaltada, medo de andar de "combis",  medo de dizer "não", medo de perder a virgindade, medo de sangue, medo de me machucar,  medo de mar e peixes, medo de altura, medo de barata, medo de mentiras, medo de ter vícios, de ter filhos, de me dar mal, medo de me decepcionar...  tenho medo de viver.

domingo, 24 de junho de 2012

O amor

O amor dói, mas é a melhor dor que existe.
O amor machuca, mas cura.
O amor trai, mas perdoa.
O amor é mentiroso, mas sempre diz a verdade.
O amor é egoísta, mas é único.
O amor é réu, mas é vitima.
O amor é monótono, mas é intenso.
O amor é cansativo, mas é delicioso.
O amor é solidão, mas é companheiro.
O amor é sego, mas é sentido.
O amor é defeituoso, mas é perfeito.
O amor é orgulhoso, mas é humilde.
O amor é preconceituoso, mas é livre.
O amor é admiração, é amizade, é algo inexplicável.
O amor faz a gente perceber a diferença entre saudade e vazio, o amor faz de duas pessoas, uma só.
O amor liberta, faz amadurecer, é o sentimento mas confuso do mundo, mas acima de tudo, o amor ama.