segunda-feira, 27 de fevereiro de 2012

Meu mundo já acabou.

Meu mundo já pode acabar, não precisa esperar chegar dezembro. Meu mundo era você, minha vida era você, eu era você. Agora só me resta a dor, as lágrimas, só me resta esperar. Esperar a morte chegar para acabar com a minha dor.
 A dor que sinto, o vazio, esse buraco que tem no meu peito é inexplicável. Parece que tiraram minha alma e só tem a carcaça perambulando por aí...
Sinto falta do seu jeito, da sua timidez, do seu cafuné, de quando você colocava a cabeça no ombro no cinema, do seu beijo, das suas piadas sem graça que sempre me faziam rir, sinto falta de você.

Nenhum comentário:

Postar um comentário