quinta-feira, 10 de maio de 2012

O que devemos ser?

Todo mundo é diferente de todo mundo. Existem gays, lésbicas, negros, brancos, altos, baixos, gordos, magros...
 Mas tem algumas pessoas que não sabem conviver com as diferenças, isso me revolta. Tenho muita raiva de quem tem preconceito, não gosto. Para muitos existe um padrão, um "manequim", você tem que ser igual a ele, se não for, você é esquisito. Me desculpe, mas pra mim, esquisito é quem segue esse padrão. Nós devemos ser quem nós queremos ser, quem nós somos e nos amar por isso, ter orgulho de ser o que a gente é. Todo mundo fica com quilinhos a mais, todo mundo tem espinha de vez em quando, todo mundo fica com frizz no cabelo.
 Já cai muito nessa de "padrão", por isso sofri muito também, não cao mais. Eu sou assim e ponto, quem é você pra me criticar? Eu me amo com meus quilinhos a mais, meus cravos de concreto, minhas celulites e todos os meus defeitos. E tenho certeza que quem me ama, me ama com todos eles também, porque é aquela velha história da aeromoça " em caso de acidente, máscaras individuais irão cair automaticamente. Puxe uma delas para liberar o fluxo, coloque-as sobre o nariz e a boca e respire normalmente. Auxilie pessoas com dificuldades o crianças, somente após ter posto a sua." Não tem como ajudar o outro se a gente não está seguro. Não tem como amar o outro, se a gente não se ama.



Nenhum comentário:

Postar um comentário