sexta-feira, 11 de outubro de 2013

I love Chanel

I love Chanel
 Semana passada encerrou-se a semana de moda de paris, e é claro que a Chanel surpreendeu todos, como sempre. A verdade é Karl Lagerfeld vive reinventando o tweed, e mostrou à todos que o tecido, mesmo no verão, vai estar em altal! Karl assina os desfiles da grife desde que  Coco faleceu.

Operação Forget: The End!


 O que a gente não faz para tirar aquele cara da cabeça, né? Devo admitir, até simpatia eu fiz! E no final, não adiantou nada... Não adianta mesmo, quanto mais a gente pensa em esquecer alguém, mas nos apegamos à ela. É por isso que devemos esquecer de esquecer, só assim iremos realmente esquecer. Calma. Parece complicado, mas não é. Trata exatamente do que tá escrito ai ESQUECER DE ESQUECER! Lembra daquela música da Marisa Monte "(...) e eu esqueci de te esquecer..." mas é só essa parte mesmo! Porque o resto é muito meloso e nós não podemos ouvir músicas melosas!
 Isso nos diz que a "Operação Forget" se encerra aqui. Mas para deixar claro, não é pra jogar tudo para o alto e desistir de esquecer aquele boy lixo que partiu seu coração! ESQUECER é diferente de DESISTIR. É simplesmente esquecer de tudo, abrir a cabeça, não se limite à coisas pequenas, amplie sonhos, faça metas e com certeza, você naturalmente vai tirar esse chato da cabeça. Porque é assim que as coisas acontecem pessoal, naturalmente. Quando não é assim não da certo, pode apostar tudo com naturalidade, no seu tempo, tem um resultado melhor.
 As coisas vem na hora certa, assim como elas vão também, na hora certa. Não adianta você mudar tudo que  é e ama ser para agradar um cara que não sente na por você, assim como também não adianta você se engajar nas simpatias e nas músicas melosas que você não vai esquece-lo! Tente primeiro entender seus motivos e os dele também, depois esqueça o passado e viva o presente, pois como já diz o ditado "quem vive de passado é museu!"

terça-feira, 13 de agosto de 2013

É ou não é? Eis a questão!

Olá minha gente! Dando mais uma pequena pausa na tão difícil "operação forget" para discutir aqui um assunto muito comentado atualmente...

 Há algumas semanas me deparei em um situação muita da estranha, fiquei afim de um carinha muito do bonitinho em uma festa, mas ele me demonstrou algumas coisas que não pareciam muito heteras... Fiquei sem saber o que fazer, falo ou não com ele? Será que ele é gay? Bi? Pergunto ou não?
 Fiz uma "pesquisa" com algumas pessoas para saber o que elas fariam nessa situação e o que elas acham sobre isso:

R, 16: "Só de olhar já da pra saber se é ou não, se os pés estiverem paralelos ele é gay."
 Como assim gente?! Hoje em dia tem até posição de pé para saber a sexualidade?

A, 17: "Tente descobrir se ele escuta Adele, todo gay escuta Adele!"
 Não tem nada a ver  escutar ou não Adele! Meu pai escuta Adele, meu tio escuta Adele, meu ex namorado escuta Adele! Todo mundo escuta Adele em algum momento da vida! Isso não passa de um preconceito muito bobo.

B, 16: "Mostre os peitos. Se ele não fizer nada é gay."
Existe uma diferença muito grande entre respeito e homossexualidade, não quer dizer que se eu mostrar meus peitos e o cara não fizer ele é gay, quer dizer que ele é educado. ( e quem faria isso???)

T, 15: "Use o charme feminino, se funcionar, é hétero."
 Usar o charme não adianta mais, porque ele pode te achar feia ou ser bi.

M, 17: "Se você duvidar, é gay, homem não parece ser gay."
 Uma coisa não tem nada a ver com a outra! "não se julga o livro pela capa"

Não tem jeito gente, hoje em dia tem que ser na lábia mesmo, perguntar "vem cá meu filho, qual é a sua?" "em que time você joga?"
 Mas é claro que você não vai fazer isso pelo facebook, ou em um restaurante, no cinema, na escola, no trabalho... Esse tipo de pergunta  só se faz com duas condições: O boy tem que valer muito a pena e tem que estar em um ambiente muito informal, em uma boate, por exemplo. Acho que nem em um aniversário pegaria bem.

Por hoje é só galera!  Espero que tenham gostado...xoxo








sábado, 10 de agosto de 2013

Operação Forget: Passo Três

Sabe aquele ursinho fofo que ele te deu no dia dos namorados? Aquele vestido que ele comprou com o maior carinho e que você odiou, mas guardou com amor? DOE! O lema agora é doar! Tenho certeza que tem muita gente ai precisando mais que você. Junte o útil ao agradável: elimine lembranças que você não precisa mais e faça uma boa ação. 
Além dos mimos e presentinhos que ele te dava, tem também as fotos. Este item, mais do que qualquer um, você vai ter que eliminar! Mas não queime! O meio ambiente não merece pagar pelo seu drama, rasgue e coloque em um saquinho, depois, jogue no lixo da casa da sua amiga, assim não vai ter como você voltar para procurar na sua casa.(É gente o negócio aqui é tenso!)

p.s: o única item que é perdoável, é caso seu bofe tenha te dado algo acima do salário do seus pais.( uma bolsa Chanel, uma viajem para Paris ou um anel de diamantes)

segunda-feira, 5 de agosto de 2013

Imprevistos da vida

Oi gente... Hoje resolvi dar uma pausa na "Operação Forget". Vou compartilhar com vocês uma situação muito chata e que eu não desejo nem para o meu inimigo!

 Descobri hoje que uma menina que eu conheço desde a infância está com leucemia. Nós nunca fomos muito próximas, mas senti como se ela fizesse parte da minha família, um sentimento ruim, como se eu estivesse perdendo alguma coisa muito importante.
 Nós crescemos na mesma escola e fizemos balé juntas quando eramos criança e por meio de uma amiga muito próxima que também é próxima dela eu mantive contato, nos encontrávamos em festinhas, cinema... Ai do nada você recebe a noticia que a menina está com câncer no sangue. Me deu uma vontade imensa de chorar e ir pra lá sofrer junto com ela, acho que o Ágape  é uma força capaz de fazer você querer ficar no lugar de qualquer pessoa que esteja sofrendo.
 Nessas horas que você vê que Deus existe, porque só a fé pode dar forças para uma pessoa conseguir sair dessa, eu tenho certeza que vai ficar tudo bem e que Jesus está com a gente! Tenha fé que você vai sair dessa, conte com as pessoas que te amam e que te querem bem! 

sexta-feira, 2 de agosto de 2013

Hippie Chic

Hippie Chic


Estilo: Hippie Chic
Como é: Roupas bem levinhas, muitos tecido fluidos, pesando mais no sapato e na bolsa, geralmente de couro.
Make: Bem levinha também, tons terrosos, batom e blush pêssego.
Acessórios: muitos arcos, headband e muitas bijus!
Quem usa: Vanessa Hudgens


quinta-feira, 1 de agosto de 2013

Operação Forget: Passo dois!

Não adianta nada ficar em casa ouvindo Adele e se empanturrando de brigadeiro, isso só vai te dar uma coisa: calorias! Tudo bem, na primeira semana é permitido, mas após o sétimo dia é bola pra frente! A partir da segunda semana, divida o brigadeiro com a sua amiga, brincadeirinha, é sério gente: o lema é “faça tudo que te distraia”. Mas não vale fazer coisas que te lembre do ser que você quer tanto esquecer! Vá a lugares que você nunca foi com aquela pessoa, faça novas amizades, dance, cante e ria muito! O segredo é te provar que você pode sim ser feliz sem ele.
E quando for encontrar a galera, não vale ficar perguntando “e ai, como vai o fulaninho?”. Ignore tudo que te lembre da pessoa, mantenha o foco e faça metas. Crie coisas novas para fazer, explore sua imaginação e ultrapasse seus limites, assim você vai te provar mais uma vez que é boa demais para ele. Passe aquele batom que ele odiava vista a roupa que ele dizia ficar horrível em você, compre o sapato que ele achava estranho, mas que você sempre quis! Contrarie! Faça tudo que ele não gostava de fazer!

quarta-feira, 31 de julho de 2013

Operação Forget!

Olá gente!

Vou fazer uma série de posts inspirados em várias pessoas que eu conheço que já passaram pela faze do "nós vamos ser felizes para sempre", mas como dizia Renato Russo, o "para sempre" sempre acaba. Então essas "dicas" tem o objetivo de ajuda-las a superar os bichinhos de pelúcia, as caixas de bombom e as borboletas no estômago!

O PRIMEIRO PASSO

Não adianta se enganar gente! Ninguém esquece alguém assim, de uma hora para outra. Primeiro a gente sofre, sofre, sofre... ai depois de muito brigadeiro de colher e músicas deprê, passa.
 A oxitocina (hormônio do amor) demora dois anos para ser eliminada do nosso corpo, até lá, a gente vai fuxicar muito o que o fulano ta fazendo, com quem ele tirou foto, aonde ele foi... Para isso temos uma ótima ferramente: O FACEBOOK!
 A internet nos permite saber até a hora que a avó da prima da amiga da sua tia toma o remédio da pressão, porque supostamente, ela posta "bom dia gente! indo tomar meu remédio para não infartar!" Mas nós temos que manter o foco! E não se esquecer que queremos apagar a pessoa amada! (e não trazer ela de volta em sete dias) ou seja, não podemos jamais visualizar o perfil dele! Então o primeiro passo da "operação forget" é: EXCLUA DO FACEBOOK! (ou pelo menos desativo o bate-papo).
 Eu sei, eu sei... É M-E-G-A difícil fazer isso, mas eu descobri um macete que não tem erro! É o seguinte: Toda vez que você for fuxicar o perfil dele arranque um fio de cabelo, parece ridículo (parece não, é), mas funciona! Eu sei que quando a gente gosta, qualquer coisa é desculpa para matar a saudade, mas eu tenho certeza que ninguém em sã consciência vai querer ficar careca (pequeno exagero) E não vale fingir que arrancou, tem que puxar mesmo!
Aprende gente: São necessárias medidas drásticas!

Nos próximos dias vem o passo dois!
xoxo


terça-feira, 30 de julho de 2013

Insensível ou desprendido?

Me assusto com o que isso se tornou, algo vazio, sem significado, sem importância. Você não liga mais, não se comunica mais, não reclama mais... Eu sinto falta disso, sinto falta das conversas, e de como as coisas vinham na minha cabeça quando você falava. Sinto falta da voz que você fazia para me ouvir sorrir, de como a gente zombava das coisas e das pessoas.

Você se esqueceu mesmo de mim, tudo bem, fico até feliz que tenha superado, como eu superei. Mas não precisava sumir, sem dar notícias, dizer um “oi”, ou um “feliz aniversário”. 
Você dizia que eu significava tanto pra você, mas como alguém pode ser tudo isso para outro alguém e do nada não passar de um conhecido?

Talvez você tenha medo de se comunicar, medo de que eu ainda sinta algo por você, eu não sei... Mas fique tranquilo, assim como você, eu não sinto mais aquilo. Minha época passou, nossa época acabou. Nossa história já foi escrita e os créditos já estão rolando.


ps: o seu silêncio me assusta.








quarta-feira, 24 de julho de 2013

Bala de Menta

Verão 2014: Menta

Olá galera!
Já tem muuuuuuuuuuuito tempo que eu não uso o blog, e tem mais tempo ainda que eu não falo sobre outra coisa que não seja a minha vida. Então hoje eu olhei para a janela e vi aquela chuvinha fina, deliciosa para ficar em casa vendo um ótimo filme e tomando um chocolate quente... Mas infelizmente, eu tive que sair de casa, coloquei minhas galochas e fui pra rua! Porque vamos ser francos, frio + chuva é a combinação perfeita para ficar em casa, mas nada melhor que um solzinho para passear!
 E vendo aquele céu escuro e as ruas vazias, me bateu uma saudade imensa do verão!  Eu amo todo aquele luxo e glamour do inverno, todo mundo bem vestido, indo para a padaria de sobre-tudo... Ai eu pensei: Como assim gente? Por que não podemos ser glamourosos e phynos no verão também?! Então fui utilizar o melhor da internet, pesquisei em muitos blogs e sites de moda, além de fuxicar na Vogue e descobri que a cor sensação, a mais poderosa e que vai dominar o verão é a menta.
 Os tons de verde em geral vão fazer sucesso, como já foi no verão passado, mas a menta vai voltar com tudo e abalando! Separei alguns looks verdinhos aqui:


O menta é um tom de verde mais clarinho, é chamado de candy color, pois lembra a cor de docinhos. Ele casa muito bem com peças de outras tonalidades que sejam também candy colors.


Além de poder combinar o menta com as cores doces, você pode fazer um look monocromático, total menta. Ou combinar com peças neutras.


A atriz AnnaSophia Robb aprovou a doçura da menta e arrasou no vestido com um tom mais escuro e a sandália nude!

É isso minha gente... espero que tenham gostado das dicas!
XOXO

domingo, 26 de maio de 2013

Sendo um suflê...

Sabe aquele ursinho que você me deu no nosso primeiro mês de namoro?
MORREU!
Sabe aquele cordão fofo de passarinho que eu usava toda vez que te via?
Desapareceu!
E todos os mimos e presentes que você me deu, foram embora com a vontade que eu tinha de ter!
Emagreci, engordei, chorei, gritei,  esperneei. Mas passou. Passou e melhorou. Não quero mais te ver! Por causa de você comi um bolo inteiro de chocolate, me embebedei de mate e quis morrer!
Por causa de você meu vestido preferido não entra mais em mim, só me visto de marfim e pareço um suflê.

 Mas e  se eu disser que  é mentira? Que eu menti  e iria com você a qualquer lugar! Você viria me buscar? Seu eu disser que amo sua loucura e  seu jeito chato/fofo de ser? Que seu cabelo é estranho e passado, mas fica perfeito em você.  E se eu disser que estou cansada de ver meu nariz crescer  por mentir para não me ver sofrer?

Hoje eu jurei para mim que ia te esquecer, que ira te prender no lado obscuro do meu coração, ia te trancar a sete chaves em um porão. Mas não adianta fugir... Você é o meu mais amado guri.

quinta-feira, 2 de maio de 2013

As nossas escolhas

 Quem disse que é preciso ser alta, magra e loira para ser a Barbie? Quem foi que disse que é preciso ter um namorado para se sentir bem? Quem foi que disse que para ser princesa tem que ter um príncipe?
 Estou em uma fase de auto conhecimento. Estou aprendendo a me amar do meu jeito, com minhas celulites e pontas duplas. Estou naquela fase de colocar salto alto para ir à padaria e maquiagem para ficar em casa. O meu relacionamento é com o meu "eu interior".
 Quando a liberdade bate na sua porta, não é fácil deixar ela sair, e não troco a sensação de ser livre por nada nesse mundo!  Tem algo melhor do que andar na rua se sentindo "livre, leve e solta"? Se sentindo linda e forte sem ninguém precisar te dizer isso? Para mim, não há preço que pague!
 A sociedade impõe muita coisa, todo mundo diz que a gente tem que namorar, casar e ter filhos. Mas e se eu não quiser? E se a companhia que eu escolher for a de 3 gatos e um cachorro? E se eu quiser morar com uma amiga e ver filme com o brigadeiro? Cada um faz a sua escolha, cada um sabe o que é melhor para si. Mas a maioria sofre influência da sociedade. "Porque a fulana está muito magra", "ta muito gorda", "nossa! Você não vai casar?", "Não vai ter filhos?" Precisamos ignorar muita coisa e ser feliz do jeito que a gente quer! O que importa é se realizar com suas decisões, o resto é só o resto...




sábado, 27 de abril de 2013

Be Happy!

 Um dia desses um amigo meu veio me dizer que estava melancólico, infeliz. Fiquei pensando nisso, pois as vezes também me sinto assim, à procura de alguma coisa que me faça melhor. Mas eu não sou infeliz, eu sou feliz! Tenho família, amigos e algumas coisa mais...!
 As pessoas vivem à procura de algo sempre, não tem jeito, a vida é uma constante procura. E sabe o que mais? Você talvez nunca encontre o que está procurando. A minha procura é diferente da sua, que é diferente da do seu namorado, que é diferente da do amigo dele....  Essa procura está relacionada com a fé?  Não sei... Talvez. Pode ser uma procura por algo acima de nós, ou por algo dentro de nós.
 Mas no fim de toda essa loucura cheguei em uma conclusão a respeito da felicidade, ela não é algo contínuo  como nossa busca por algo indeterminado. Ela é momentânea, a felicidade está em pequenas coisas, naquelas coisas mais banais dom mundo! Um filme de terror com seu namorado, um dia no shopping com sua melhor amiga, dançar loucamente aquela música que você tanto gosta, um pedaço de chocolate, um copo de vinho no frio, um domingo com a família.... A felicidade está em tudo, é só abrir o coração para deixar ela entrar em você.

Para você meu amigo, seja feliz! Te gosto muito! (:


terça-feira, 23 de abril de 2013

Adeus primeiro amor...

 Eu mudei, você mudou.
 Eu amadureci, você também. Nós crescemos.
 Aqueles nossos sonhos já não são mais possíveis, os erros e acertos nos fizeram ver a realidade.
 Você escolheu, e eu também.
 Você sofreu, e eu também.
 Mas não precisa mais chorar, porque esse nosso lindo amor eu sempre vou guardar.




sábado, 6 de abril de 2013

Algumas lembranças nunca se vão

 É incrível como as vezes do nada você lembra das coisas. A gente lembra e pensa "nossa! Como foi bom...". Antigamente eu não gostava de lembrar, sentia saudade, as lembranças não faziam bem. Mas hoje não, hoje penso nas coisas boas que passaram,  nos momentos bons, foi bom enquanto durou. A recordação é muito boa, mas ela só traz felicidade quando não tem mais sentimento, porque quando ainda tem, o nome não é lembrança, é saudade.
 Uma coisa que aprendi durante esse ano que passou foi que o primeiro amor a gente realmente não esquece. Essa não é só uma frase clichê que a gente vê nos filmes, é verdade. A gente não esquece, mas aprende a viver sem, aprende a substituir, aprende a se apaixonar de novo...






domingo, 17 de fevereiro de 2013

Coisas que não saem da cabeça

Será que eu vou te amar pra sempre?
Será que eu nunca vou te esquecer?
Será que você é minha alma gêmea?
Será que você lembra de mim?
Será que eu ainda vou te ver?
Será que você ainda me ama?

Há perguntas que nunca vão ser respondidas e vão ficar eternamente martelando a  nossa cabeça. Mas também há as perguntas que nós temos medo de descobrir a resposta...

sexta-feira, 8 de fevereiro de 2013

A minha dificuldade

 É  muito difícil mentir para você.
 É  muito difícil dizer que está tudo bem.
 É muito difícil fingir que você não existe.
 É muito difícil me enganar.
 É muito difícil me esconder de você.
 É muito difícil dizer adeus.
 É muito difícil viver sem você
Mas mais difícil que tudo isso, é te amar e não ser correspondida.


terça-feira, 29 de janeiro de 2013

Para refletir!

 Custa jogar o lixo no lixo? Custa ser gentil? Custa dar "bom dia" para o zelador e o porteiro? Custa ceder o lugar para quem precisa mais? Custa respeitar o espaço alheio?
A falta de educação das pessoas anda me assustando!
 Fulano vai no bloco, bebe, se diverte e joga a latinha no chão, tendo uma lixeira bem ao seu lado. Dias depois, cai uma chuva e o mesmo fulano tá chorando na TV, porque perdeu tudo em uma enchente. Pode parecer frio, mas eu não tenho pena. Toda ação tem uma reação. Todo mundo sabe que não se deve jogar lixo no chão por inúmeras razões, e mesmo assim joga. Então meu bem, arque com as consequências.
 Eu sei que falta o governo fazer a parte dele, mas será que se as pessoas fossem mais conscientes nesse assunto, o mundo não estaria bem melhor? Se cada um fizer a sua parte, já ajuda. Pequenas ações fazem sim a diferença, porque um fazendo pouco sozinho não adianta, mas vários fazendo pouco ajuda muito!

domingo, 6 de janeiro de 2013

Meu surreal conto de fadas

 Não é fácil esquecer alguém, a gente não pode simplesmente dizer ao coração "esse sai". Quem dera que fosse assim! Mas não é. Queria poder te expulsar de dentro de mim, mas eu ainda choro quando ouço aquela música, ainda penso em você quando vejo filmes de romance, ainda lembro de quando você me fazia cafuné e eu parecia estar em ouro mundo.
 Vai ver o problema sou eu, vai ver eu sou romântica e dramática demais. Sabe o que é? É que por um curto momento da minha vida pensei ter encontrado meu príncipe encantado, pensei que você fosse fazer parte do meu conto de fadas. Mas não,  o castelo desmoronou, o cavalo branco morreu e o príncipe virou sapo.