sábado, 6 de abril de 2013

Algumas lembranças nunca se vão

 É incrível como as vezes do nada você lembra das coisas. A gente lembra e pensa "nossa! Como foi bom...". Antigamente eu não gostava de lembrar, sentia saudade, as lembranças não faziam bem. Mas hoje não, hoje penso nas coisas boas que passaram,  nos momentos bons, foi bom enquanto durou. A recordação é muito boa, mas ela só traz felicidade quando não tem mais sentimento, porque quando ainda tem, o nome não é lembrança, é saudade.
 Uma coisa que aprendi durante esse ano que passou foi que o primeiro amor a gente realmente não esquece. Essa não é só uma frase clichê que a gente vê nos filmes, é verdade. A gente não esquece, mas aprende a viver sem, aprende a substituir, aprende a se apaixonar de novo...






Nenhum comentário:

Postar um comentário